teste
 

Blog

Home / Reconhecimento  / Medalha ou Troféu: quando escolher cada um?

Screen Shot 2015-07-06 at 12.41.21 PM

O melhor vendedor do mês recebe um aperto de mão do seu gerente como forma de saudar sua performance acima da média. E o cliente de número mil da loja recebe pelo correio uma carta de agradecimento “disfarçada”, convidando-o para voltar a comprar. O que faltou nas duas situações? Faltou simbolizar tanto o trabalho do colaborador quanto a fidelidade do cliente com a entrega de um brinde especial: uma medalha ou troféu.

Ao fazer isso, o RH, no caso do vendedor, cria um “gatilho de motivação”, algo que será referência diária para que ele se orgulhe do trabalho que faz e busca manter e até melhorar seu desempenho. Do lado do marketing, entregar algo que simbolize a relação do cliente com o estabelecimento é selar um “contrato” de fidelidade que nos dias de hoje é imprescindível para manter e ampliar a clientela. Afinal, será não só mais um cliente satisfeito, mas também um cliente premiado. E quem não quer ser premiado?

 

Ranking dos melhores

Para o RH da empresa, a decisão de escolher entre entregar uma medalha ou um troféu pode ser resolvida de forma simples. Todo mês, o melhor colaborador recebe uma medalha e no fim do ano, o que recebeu mais medalhas ganha um troféu simbolizando seu desempenho ao longo dos 12 meses. Mas a empresa pode incrementar a ação motivacional e criar um sistema cumulativo.

A estratégia começa premiando o colaborador com medalhas. Todo mês, o de melhor desempenho, a partir dos critérios estabelecidos conforme o ramo de atividade da empresa, recebe uma medalha. Recebendo três medalhas de forma consecutiva, ele ganha um troféu.

No fim do ano, na festa de encerramento das atividades, a empresa pode ainda promover uma nova premiação, entregando troféus com base no ranking dos melhores colaboradores. Por exemplo, pode entregar um troféu para o que recebeu mais troféus no decorrer do ano e outro para o que recebeu mais medalhas de forma não-consecutiva. Dá para imaginar a festa que será e o impacto que provocará no dia a dia da empresa.

“Cliente Campeão!”

O marketing sabe que o cliente gosta de ser paparicado. Ele quer sempre obter o maior pacote de vantagens possível na hora da compra. E como nem sempre é viável “dar corda” em preço, garantias e outras vantagens, é preciso buscar formas alternativas, mas diferenciadas de encantar o cliente.

E assim como faz internadamente com seus colaboradores, a empresa também pode entregar medalhas e troféus para seus clientes mais especiais. O cliente mais antigo, o cliente mais fiel, o cliente da compra de maior valor, enfim. Há muitos critérios para serem usados, restando ao departamento de marketing escolher quando deve dar uma medalha, quando deve dar um troféu.

Uma das possibilidades é associar a premiação a uma determinada mercadoria e fazer uma ação promocional casada com um fornecedor. Por exemplo, 2016 teremos jogos olímpicos e que oportunidade melhor a empresa teria de premiar seus clientes com medalhas ou troféus? Como não há entrega de troféus nas Olimpíadas, a empresa pode escolher entregar somente medalhas.

Nesta parceria com um fornecedor, dependendo do ramo de atividade da empresa, o marketing pode estabelecer uma espécie de “ranking de valores” para definir que tipo de produto terá entrega da medalha “Cliente Campeão!”. Ou então, por conta do ano olímpico e caso prefira não firmar qualquer tipo de parceria com fornecedores, todo cliente receberá uma medalha em seu mês de aniversário, devidamente gravada com o nome do cliente. Ele vai soprar velinhas muito mais contente, com certeza.

Este post foi útil para você? Confira as opções de medalhas oferecidas pela INOX LINE!

5 Formatos de Medalhas

Post a Comment